fbpx

Imeltron

CAFÉ GOURMET BIALETTI

Você sabia que o café é a bebida mais consumida em todo o mundo?

Com exceção da água, que é o líquido in natura essencial para a vida humana e base de outras bebidas, o café está na primeira posição como a bebida mais consumida pelas pessoas em todas as listas mundiais. O chá, o leite, o vinho e a cerveja também aparecem nas listas, mas não há nada que supere o consumo de café ao redor do mundo.

O café é, normalmente, consumido diversas vezes ao dia por uma única pessoa, podendo ser servido sozinho ou em combinação com outros ingredientes, criando outros tipos de bebidas. Além disso, ele é um dos integrantes principais de praticamente todas as mesas de café da manhã.

Nas mesas dos lares: a revolução da Moka Express

A introdução dos cafés nos lares se deu por meio de uma inovação no preparo: a criação, em 1933, da Moka Express, por Alfonso Bialetti. A cafeteira com design Art Deco a pressão, assim como as máquinas de espresso, que preparava um café encorpado e aromático com praticidade e no conforto de casa, fez com que a Moka revolucionasse o mercado industrial.

Alfonso Bialetti é tido como um dos grandes gênios industriais da Itália. Tudo começou em 1919, quando Alfonso abriu, em Crusinallo, na província de Verbania, uma oficina para produção de itens em alumínio semiacabados. A iniciativa logo evolui e a oficina se tornou um ateliê de design e de produtos já acabados, prontos para o mercado.

Mas foi seu filho, Renato Bialetti, que fez com que a produção das cafeteiras atingisse escalas industriais. Ele também investiu em publicidade, com o logo do “homenzinho de bigode”, uma caricatura do próprio pai, criada por Paul Campani. Tudo isso fez com que a empresa se tornasse uma das principais fabricantes italianas de cafeteiras.
Novos blends em comemoração dos 100 anos

Se você se atentou às informações anteriores, já percebeu que, em 2019, a Bialetti completa 100 anos! Inspirada pela grandeza e solidez da empresa, a Imeltron, importadora exclusiva da marca no Brasil, desenvolveu dois blends de cafés gourmet como forma de comemoração e homenagem.

O lançamento, chamado de Bialetti Il Caffè d´Italia – o inventor da Moka redescobriu Roma e Napoli, já está disponível no mercado brasileiro e conta com as opções de café em grão para espresso, café moído para Moka Express e café moído para coador ou filtro.

Café Bialetti Roma

A origem do Café Bialetti ROMA vem da Espécie Coffea Arábica de linhagens Mundo Novo e Catuaí, da Região do Sul de Minas. A colheita é feita de forma mecânica e seletiva. A Secagem feita ao sol em terreiros, seguindo métodos ideiais para uma secagem uniforme do Café. Após a secagem é feito o benefeciamento, armazenamento e torragem. Tudo isso é feito dentro da própria fazenda, o que assegura a pureza de um café verdadeiramente de alta qualidade. Estes procedimentos preservam as suas características originais conservando assim o delicioso sabor do café.

Possui corpo denso, aroma achocolatado, torra média, acidez acentuada e é o adequado para o preparo espresso.

O Café Gourmet Bialetti Roma em Grão, está disponível em embalagens de 500 g e 1 kg.

Café Bialetti Napoli – Moka

A origem do Café Bialetti NAPOLI MOKA vem da Espécie Coffea Arábica de linhagens Mundo Novo e Catuaí, da Região da Alta Mogiana e Sul de Minas. A colheita é feita de forma mecânica e seletiva. A Secagem feita ao sol em terreiros, seguindo métodos ideiais para uma secagem uniforme do Café. Após a secagem é feito o benefeciamento, armazenamento e torragem. Tudo isso é feito dentro da própria fazenda, o que assegura a pureza de um café verdadeiramente de alta qualidade. Estes procedimentos preservam as suas características originais conservando assim o delicioso sabor do café.

Possui corpo denso, aroma achocolatado, torra média, acidez acentuada e é o adequado para o preparo na Moka.

O Café Gourmet Bialetti Napoli Moka – Moído, está disponível em embalagens de 250 g e 500 g.

Café Bialetti Napoli – Coado

A origem do Café Bialetti NAPOLI COADO vem da Espécie Coffea Arábica de linhagens Mundo Novo e Catuaí, da Região da Alta Mogiana e Sul de Minas. A colheita é feita de forma mecânica e seletiva. A Secagem feita ao sol em terreiros, seguindo métodos ideiais para uma secagem uniforme do Café. Após a secagem é feito o benefeciamento, armazenamento e torragem. Tudo isso é feito dentro da própria fazenda, o que assegura a pureza de um café verdadeiramente de alta qualidade. Estes procedimentos preservam as suas características originais conservando assim o delicioso sabor do café.

Possui corpo denso, aroma achocolatado, torra média, acidez acentuada e é o adequado para o preparo no coador.

O Café Gourmet Bialetti Napoli Coado – Moído, está disponível em embalagens de 250 g e 500 g.

Sobre o tipo Arábica

Os cafés Bialetti são elaborados com o Arábica, tipo de grão que o Brasil produz em grandes quantidades, sendo o maior produtor do mundo com, aproximadamente, 46 milhões de sacas por ano. O café feito com o tipo de grão Arábica possui 50% menos cafeína. A altitude em que é cultivado influência no resultado final: quanto mais alto, melhor.

Seu grão é oval e possui coloração amarelo-esverdeada. Tem origem na Etiópia e é possivelmente uma das primeiras espécies de café a ser cultivada. Corresponde a ¾ da produção mundial e também possui maior valor de mercado por conta da qualidade superior, tendo aroma e sabor mais suaves e doces e, por isso, é o tipo de grão escolhido para a linha de Cafés Gourmet Bialetti!

Agora é só escolher seu método de preparo preferido para experimentar essa incrível novidade do Café Bialetti Roma e Café Bialetti Napoli!

Compartilhe:
Imeltron
Sem Comentários
Escrever um comentário

Assine nossa

e receba conteúdo exclusivo com as novidades do mercado, nossos lançamentos e dicas!